>Alternativas para o Microsoft Office

>Escrito por leandroimail Em 17 – outubro – 2009


A maioria dos usuários de Informática do Brasil conhece o pacote Microsoft Office. Os cursos de informática espalhados pelo país geralmente tem como básico ensinar a usar o SO (Sistema Operacional) Windows e o Pacote Office. Acredito que seja por isso e também pelo pacote ter cada vez mais se aprimorado e se tornado realmente a ferramenta mais completa do mercado para criação e edição de documentos, apresentações, planilhas, etc a líder absoluta e mais conhecida de todas.

Porém existem pacotes oferecidos gratuitamente que são excelentes alternativas e que a população nem sequer sabe que existe. Por isso vamos falar hoje de duas suítes de aplicativos compatíveis com o MS Office, que suprem a maioria das necessidades das pessoas.

OpenOffice (BrOffice)

OpenOffice que na sua distribuição brasileira foi batizada de BrOffice, é uma alternativa robusta e excelente.

O BrOffice é uma ferramenta gratuita, na categoria de Software Livre e com código aberto, isso quer dizer que além de ser gratuito, as pessoas podem ter acesso ao código da programação dos softwares e podem fazer alterações, melhorias, assim o sistema é sempre atualizado pela comunidade de desenvolvedores e entusiastas do software.E é a Sun (uma empresa gigantesca, com anos de experiências em desenvolvimento de Softwares) que atua atualmente como organizadora do projeto OpenOffice.

Sua última versão é totalmente compatível com os documentos do MS Office como .doc, docx, xls, xlsx, ppt, pptx, etc.

Ele é bem simples de usar, lógico que se você está acostumado com o MS Office, principalmente a versão 2007/2010 sentirá um pouco de dificuldade, já que os ícones, nomes, e funções, não estão exatamente nos mesmos lugares, não são os mesmo e nem fazem exatamente a mesmas coisas.Porém se você tiver alguma paciência e persistência, verá que é o BrOffice é um excelente sistema, e que faz praticamente tudo o que você precisa.

Em algumas coisas o BrOffice fica em desvantagem ao MS Office, por exemplo, se você usa planilhas gigantescas, o Excel será muito mais ágil e integro do que o Calc, também o PowerPoint possui muito mais efeitos e estilos do que o Impress. Mesmo assim os dois se saem muito bem.

O BrOffice também não possui programas equivalentes ao Publisher (Portifolios), Groove (Trabalho em Equipe), OneNote (Anotações Dinâmicas), InfoPath (Gerador de Formulários) nem Outlook (Gerenciador de emails) que são disponibilizados a partir da versão 2007 Professional do MS Office. Porém os programas básicos, os que são realmente usados e que as pessoas dominam estes sim, todos tem um programa compatível.

Dica: Se você procura um programa free alternativo ao MS Office Outlook use o Thunderbird. Para conhecer mais acesse http://br.mozdev.org/thunderbird/

O BrOffice também possui algumas vantagens em seus programas em relação ao MS Office. Ele possui o Math e o Draw, exclusivos BrOffice. Outro exemplo de funcionalidade diferencial é que todo documento produzido no BrOffice pode ser salvo com PDF nativamente. O BrOffice também pode ser instalado em diversos sistemas operacionais, como Windows XP/Vista/Seven, Mac OS, Solaris e Linux.

Abaixo uma lista dos programas do pacote BrOffice.

* O Writer é o editor de textos . Equivalente ao Word
* O Calc é o editor de planilhas eletrônicas. Equivalente ao Excel
* O Impress é o editor de apresentações multimídia. Equivalente ao PowerPoint
* O Base é o manipulador bancos de dados sem dificuldades. Equivalente ao Access
* O Draw produz desde simples diagramas até ilustrações com aparência 3D e efeitos especiais. Programa sem equivalente no MS Office.
* O Math é um editor de fórmulas eficiente e fácil de usar. Com ele, você pode criar desde fórmulas simples até as mais complexas equações. Programa sem equivalente no MS Office.

Para baixar e saber mais a respeito do BrOffice acesse: http://br.mozdev.org/thunderbird/

Google Docs

O Google Docs é uma opção bem interessante, com várias aplicações para sua empresa. Isso porque o Google Docs é totalmente on-line. Assim você não precisa instalar nada e ainda pode editar documentos simultaneamente com outras pessoas. Isso proporciona uma fácil interface para o trabalho colaborativo de pessoas distribuídas em locais diferentes pela sua empresa até pelo mundo.

Você cria os documentos no Google Docs e pode deixar armazenado na própria “nuvem”, isso é, você grava os seus arquivos nos servidores da Google, e pode acessar de qualquer computador sem precisar ficar gravando em pendrives, ou sincronizando em vários computadores.

Se você quiser, pode também produzir seus documentos no seu MS Office ou no seu BrOffice e upar no Google Docs, para ter o seu arquivo armazenado on-line, podendo editar e compartilhar a visualização e edição on-line com outras pessoas .

O Google Docs possui um serviço bem interessante, este é o Form, excelente para fazer pesquisa, provas, questionários, e o que sua imaginação conseguir criar com formulários. Você pode enviar esses formulários por email, e a pessoa que recebeu responde no seu próprio email e o Google Docs já tabula os seus resultados. Experimente, é um serviço perfeito para você utilizar na sua empresa, com seus funcionário, clientes, fornecedores, alunos, etc.

Uma das desvantagens é que os arquivos não podem ser muito pesados, e você também não tem tanto espaço assim para armazenamento on-line. Abaixo uma breve descrição dos limites:

* Google Docs: cada documento pode ter um tamanho máximo de 500 K a 2 MB por imagem incorporada.
* Planilhas: cada uma pode ter até 256 colunas, 200.000 células ou 100 páginas – o que ocorrer primeiro. Não há limite de linhas.
* Apresentações: Arquivos nos formatos .ppt e .pps podem ter um tamanho máximo de 10 MB ou 200 slides; arquivos importados da web poderão ter até 2 MB; arquivos enviados por e-mail poderão ter até 500 K.
* PDFs: você pode armazenar até 10 MB por PDF em seu computador e 2 MB na web na sua Lista de documentos, até 100 PDFs.

Outra desvantagem do Google Docs é que ele ainda é em inglês. E é claro, se você não possuir internet não pode utilizá-lo. Você e todas as pessoas que terão acesso aos seus arquivos no Google Docs necessitam possuir uma conta no Google.

O Google Docs também não possui programas equivalentes ao Publisher, Groove (porém os serviços da Google oferecem varias alternativas como o Google Groups), OneNote (o Google possui várias alternativas principalmente no seu serviço IGoogle), Access (o Google possui um banco de dados on-line o Google Fusion Tables) nem Outlook (mas o Gmail é justamente isso, um WebMail)

Abaixo uma pequena lista de Serviços do Google Docs e seus equivalentes no MS Office

* Google Document é o editor de textos . Equivalente ao Word
* Google SpreadSheet é o editor de planilhas eletrônicas. Equivalente ao Excel
* Google Presentation é o editor de apresentações multimídia. Equivalente ao PowerPoint
* Google Form é o gerador de formulários. Equivalente ao InfoPath

Mundo Livre


É claro que a maior vantagem tanto no BrOffice quanto MP Google Docs, é que você não precisa gastar milhares de dólares com licenças em uma suíte de desenvolvimento de documentos.

E cada um dos pacotes apresentados aqui possui sua vantagem, o Google Docs por ser on-line e facilitar o trabalho colaborativo e o BrOffice por ser mais robusto e estar sobre a distribuição com código aberto.

Esperamos que vocês tenham gostado do Post e façam uso, pelo menos como alternativa, desses serviços.

Fonte: http://migre.me/3ACpE

Alternativas para o Microsoft Office

Escrito por leandroimail Em 17 – outubro – 2009


A maioria dos usuários de Informática do Brasil conhece o pacote Microsoft Office. Os cursos de informática espalhados pelo país geralmente tem como básico ensinar a usar o SO (Sistema Operacional) Windows e o Pacote Office. Acredito que seja por isso e também pelo pacote ter cada vez mais se aprimorado e se tornado realmente a ferramenta mais completa do mercado para criação e edição de documentos, apresentações, planilhas, etc a líder absoluta e mais conhecida de todas.

Porém existem pacotes oferecidos gratuitamente que são excelentes alternativas e que a população nem sequer sabe que existe. Por isso vamos falar hoje de duas suítes de aplicativos compatíveis com o MS Office, que suprem a maioria das necessidades das pessoas.

OpenOffice (BrOffice)

OpenOffice que na sua distribuição brasileira foi batizada de BrOffice, é uma alternativa robusta e excelente.

O BrOffice é uma ferramenta gratuita, na categoria de Software Livre e com código aberto, isso quer dizer que além de ser gratuito, as pessoas podem ter acesso ao código da programação dos softwares e podem fazer alterações, melhorias, assim o sistema é sempre atualizado pela comunidade de desenvolvedores e entusiastas do software.E é a Sun (uma empresa gigantesca, com anos de experiências em desenvolvimento de Softwares) que atua atualmente como organizadora do projeto OpenOffice.

Sua última versão é totalmente compatível com os documentos do MS Office como .doc, docx, xls, xlsx, ppt, pptx, etc.

Ele é bem simples de usar, lógico que se você está acostumado com o MS Office, principalmente a versão 2007/2010 sentirá um pouco de dificuldade, já que os ícones, nomes, e funções, não estão exatamente nos mesmos lugares, não são os mesmo e nem fazem exatamente a mesmas coisas.Porém se você tiver alguma paciência e persistência, verá que é o BrOffice é um excelente sistema, e que faz praticamente tudo o que você precisa.

Em algumas coisas o BrOffice fica em desvantagem ao MS Office, por exemplo, se você usa planilhas gigantescas, o Excel será muito mais ágil e integro do que o Calc, também o PowerPoint possui muito mais efeitos e estilos do que o Impress. Mesmo assim os dois se saem muito bem.

O BrOffice também não possui programas equivalentes ao Publisher (Portifolios), Groove (Trabalho em Equipe), OneNote (Anotações Dinâmicas), InfoPath (Gerador de Formulários) nem Outlook (Gerenciador de emails) que são disponibilizados a partir da versão 2007 Professional do MS Office. Porém os programas básicos, os que são realmente usados e que as pessoas dominam estes sim, todos tem um programa compatível.

Dica: Se você procura um programa free alternativo ao MS Office Outlook use o Thunderbird. Para conhecer mais acesse http://br.mozdev.org/thunderbird/

O BrOffice também possui algumas vantagens em seus programas em relação ao MS Office. Ele possui o Math e o Draw, exclusivos BrOffice. Outro exemplo de funcionalidade diferencial é que todo documento produzido no BrOffice pode ser salvo com PDF nativamente. O BrOffice também pode ser instalado em diversos sistemas operacionais, como Windows XP/Vista/Seven, Mac OS, Solaris e Linux.

Abaixo uma lista dos programas do pacote BrOffice.

* O Writer é o editor de textos . Equivalente ao Word
* O Calc é o editor de planilhas eletrônicas. Equivalente ao Excel
* O Impress é o editor de apresentações multimídia. Equivalente ao PowerPoint
* O Base é o manipulador bancos de dados sem dificuldades. Equivalente ao Access
* O Draw produz desde simples diagramas até ilustrações com aparência 3D e efeitos especiais. Programa sem equivalente no MS Office.
* O Math é um editor de fórmulas eficiente e fácil de usar. Com ele, você pode criar desde fórmulas simples até as mais complexas equações. Programa sem equivalente no MS Office.

Para baixar e saber mais a respeito do BrOffice acesse: http://br.mozdev.org/thunderbird/

Google Docs

O Google Docs é uma opção bem interessante, com várias aplicações para sua empresa. Isso porque o Google Docs é totalmente on-line. Assim você não precisa instalar nada e ainda pode editar documentos simultaneamente com outras pessoas. Isso proporciona uma fácil interface para o trabalho colaborativo de pessoas distribuídas em locais diferentes pela sua empresa até pelo mundo.

Você cria os documentos no Google Docs e pode deixar armazenado na própria “nuvem”, isso é, você grava os seus arquivos nos servidores da Google, e pode acessar de qualquer computador sem precisar ficar gravando em pendrives, ou sincronizando em vários computadores.

Se você quiser, pode também produzir seus documentos no seu MS Office ou no seu BrOffice e upar no Google Docs, para ter o seu arquivo armazenado on-line, podendo editar e compartilhar a visualização e edição on-line com outras pessoas .

O Google Docs possui um serviço bem interessante, este é o Form, excelente para fazer pesquisa, provas, questionários, e o que sua imaginação conseguir criar com formulários. Você pode enviar esses formulários por email, e a pessoa que recebeu responde no seu próprio email e o Google Docs já tabula os seus resultados. Experimente, é um serviço perfeito para você utilizar na sua empresa, com seus funcionário, clientes, fornecedores, alunos, etc.

Uma das desvantagens é que os arquivos não podem ser muito pesados, e você também não tem tanto espaço assim para armazenamento on-line. Abaixo uma breve descrição dos limites:

* Google Docs: cada documento pode ter um tamanho máximo de 500 K a 2 MB por imagem incorporada.
* Planilhas: cada uma pode ter até 256 colunas, 200.000 células ou 100 páginas – o que ocorrer primeiro. Não há limite de linhas.
* Apresentações: Arquivos nos formatos .ppt e .pps podem ter um tamanho máximo de 10 MB ou 200 slides; arquivos importados da web poderão ter até 2 MB; arquivos enviados por e-mail poderão ter até 500 K.
* PDFs: você pode armazenar até 10 MB por PDF em seu computador e 2 MB na web na sua Lista de documentos, até 100 PDFs.

Outra desvantagem do Google Docs é que ele ainda é em inglês. E é claro, se você não possuir internet não pode utilizá-lo. Você e todas as pessoas que terão acesso aos seus arquivos no Google Docs necessitam possuir uma conta no Google.

O Google Docs também não possui programas equivalentes ao Publisher, Groove (porém os serviços da Google oferecem varias alternativas como o Google Groups), OneNote (o Google possui várias alternativas principalmente no seu serviço IGoogle), Access (o Google possui um banco de dados on-line o Google Fusion Tables) nem Outlook (mas o Gmail é justamente isso, um WebMail)

Abaixo uma pequena lista de Serviços do Google Docs e seus equivalentes no MS Office

* Google Document é o editor de textos . Equivalente ao Word
* Google SpreadSheet é o editor de planilhas eletrônicas. Equivalente ao Excel
* Google Presentation é o editor de apresentações multimídia. Equivalente ao PowerPoint
* Google Form é o gerador de formulários. Equivalente ao InfoPath

Mundo Livre


É claro que a maior vantagem tanto no BrOffice quanto MP Google Docs, é que você não precisa gastar milhares de dólares com licenças em uma suíte de desenvolvimento de documentos.

E cada um dos pacotes apresentados aqui possui sua vantagem, o Google Docs por ser on-line e facilitar o trabalho colaborativo e o BrOffice por ser mais robusto e estar sobre a distribuição com código aberto.

Esperamos que vocês tenham gostado do Post e façam uso, pelo menos como alternativa, desses serviços.

Fonte: http://migre.me/3ACpE

Uso pedagógico do GoogleDocs

08/02/2010 por profjc

O que é o GoogleDocs?

Google e suas ferramentas web 2.0

O Google é um paraíso da web 2.0
O Google é bastante conhecido por sua ferramenta de busca de mesmo nome e que lhe trouxe toda a popularidade que o nome tem hoje em dia, mas desde há muito o Google deixou de ser apenas um buscador para tornar-se um “paraíso da Web 2.0“.
Dentre toda a parafernália de ferramentas web 2.0 disponibilizadas pelo Google, vamos nos deter no pacote denominado GoogleDocs.
O GoogleDocs originou-se de dois produtos separados, adquiridos e modificados pelo Google: o Writely, um processador de textos colaborativo que pode rodar a partir da web, e o Google Labs Spreadsheets, uma planilha de cálculos também colaborativa e que pode rodar a partir da web. Assim começava a nascer o GoogleDocs, em 2006. Posteriormente foram incluídos um gerador de apresentações de slides e, mais recentemente ainda, a possibilidade de armazenar e compartilhar todo tipo de arquivo em 1 Gb de espaço de armazenamento gratuito.
Assim, hoje o GoogleDocs consiste em um pacote de programas de escritório semelhante ao Office da Microsoft ou ao BrOffice da Sun, com o diferencial de que é gratuito, online e permite a colaboração na edição dos documentos. Além disso os “docs” do GoogleDocs são compatíveis com os demais pacotes de ferramentas para escritório, podendo ser salvos, lidos e editados por qualquer um deles. Para acessar e poder usar o GoogleDocs basta ter uma conta no Google.

Para que serve o GoogleDocs?

O GoogleDocs serve para as mesmas finalidades que os pacotes de escritório vendidos comercialmente, como o Office, da Microsoft, ou distribuídos gratuitamente, como o BrOffice da Sun. Por ser um pacote de ferramentas de escritório o GoogleDocs nos permite criar, armazenar, compartilhar e distribuir documentos de texto em vários formatos, planilhas de cálculo e apresentações de slides.
Documentos do GoogleDocs

O GoogleDocs oferece um pacote de ferramentas de escritório que são colaborativas e podem ser editadas online.
Por ser uma ferramenta web 2.0, o GoogleDocs é gratuito e não requer licenciamento de uso, o que o torna uma excelente opção para quem não tem um pacote de escritório instalado em seu computador.
O acesso ao GoogleDocs pela Internet e o armazenamento dos documentos na própria web permitem que se possa acessar, consultar e editar os documentos de qualquer lugar com acesso à rede.
O fato de podermos compartilhar os documentos de várias maneiras, possibilitando tanto o acesso a eles para leitura quanto para edição compartilhada, nos permite também criar documentos colaborativos ou disponibilizar documentos apenas para consulta. É claro que também podemos manter esses documentos com acesso restrito apenas a nós mesmos.
Atualmente, com o Gears, também do Google, pode-se sincronizar os documentos do GoogleDocs com o seu computador desktop (ou notebook), permitindo que você possa editar os documentos localmente usando um navegador comum (IE, Firefox, etc.) e depois atualizar os documentos armazenados na rede assim que estiver conectado (o processo é automático). Isso nos dá a possibilidade de usar o pacote de escritório online de maneira offline e elimina de vez a necessidade de se ter um pacote de ferramentas de escritório instalado no seu computador.
O GoogleDocs também permite a criação de formulários online que podem ser usados para diferentes finalidades e gera automaticamente diversas estatísticas com os resultados coletados nesses formulários. Essa ferramenta é ideal para questionários de pesquisas, por exemplo. A cada formulário é associada uma planilha que pode também ser editada manualmente ou baixada para o seu computador se quiser realizar outras análises com ela.
Gráficos automáticos

Os formulários geram automaticamente gráficos com estatísticas de todos os itens do formulário

Como usar o GoogleDocs nas práticas escolares cotidianas?

Há uma infinidade de possibilidades de uso pedagógico ou de suporte às atividades do professor com o pacote de escritório do GoogleDocs. Abaixo procurarei listar algumas, mas outras sugestões de usos serão bem-vindas e podem ser feitas nos comentários desse artigo (e depois serão incorporadas à lista do próprio artigo):
  1. Uso do editor de texto: o editor de texto do GoogleDocs, além do óbvio uso como editor de textos mesmo, também permite a criação de textos compartilhados. Assim, por exemplo, o professor pode propor a criação de textos de forma colaborativa por equipes de alunos e criar um doc compartilhado por todos de uma mesma equipe e pelo professor. O GoogleDocs permite que até dez pessoas editem um documento simultâneamente e esse documento pode ser compartilhado com até 200 pessoas. Essa possibilidade de uso e edição compartilhada é útil para, entre outras possibilidades:

    • propor produção de textos colaborativos;
    • propor a realização de trabalhos em grupo;
    • criar glossários dinâmicos. 

  2. Uso das planilhas eletrônicas: as planilhas eletrônicas também podem ser compartilhadas e editadas simultâneamente, o que permite usos parecidos com o do editor de textos e outros mais apropriados para as funcionalidades de uma planlha, como a disponibilização de notas e mesmo de uma lista de presença que pode ser preenchida pelo professor e disponibilizada instantaneamente para os pais dos alunos ou para a secretaria da escola. Outros usos possíveis são:

    • disponibilizar atividades que possam ser realizadas com o uso de planilhas eletrônicas. Esse caso é especialmente interessante para a disciplina de matemática, pois além de possibilitar uma melhor compreensão da aritmética e da álgebra, também permite a criação de gráficos e a compreensão de seu funcionamento;
    • os gráficos gerados a partir das tabelas também são especialmente interessantes para disciplinas que os utilizam bastante, como a física, a biologia e a geografia;
    • uso como “banco de dados”, pois as planilhas eletrônicas permitem armazenar dados de forma organizada, recuperá-los de forma simples e manipulá-los de forma automatizada, mesmo em se tratando de muitos dados.

     

  3. Uso de apresentações de slides: as apresentações de slides são particularmente interessantes como ferramenta de apresentação de conteúdos, informações e esquemas didáticos com um visual atraente. O GoogleDocs permite também que se faça edição colaborativa dessas apresentações e que elas sejam compartilhadas online. Algumas possibilidades de uso para as apresentações de slides são:

    • produção de conteúdos didáticos pelo professor, esquemas didáticos e resumos;
    • produção e apresentação de trabalhos pelos alunos (lembrando que a edição compartilhada facilita o trabalho colaborativo de grupos de alunos);

     

  4. Uso dos formulários online: os formulários online do GoogleDocs estão associados à planilhas e constituem um meio simples e rápido de coletar informações, gerar apresentações gráficas e análises estatísticas de dados. Alguns usos possíveis:

    • produzir questionários sócio-econômicos dos alunos;
    • produzir diagnoses e pesquisas com os alunos ou com os pais, pois os formulários podem também ser acessados da casa dos alunos;
    • produzir pequenos testes e provas, ou atividades que os alunos possam realizar de forma autônoma e fora da escola.
Há ainda uma possibilidade de uso muito interessante que é a disponibilização de qualquer um desses docs na internet e sua incorporação em um blog, por exemplo. Abaixo vemos essa funcionalidade para um doc que eu criei no GoogleDocs e então armazenei no Slideshare (infelizmente não é possível ainda incorporar o documento diretamente no wordpress.com, mas outros blogs aceitam a incorporação usando a tag “iframe”):

Você também pode simplesmente postar a url do doc compartilhado no GoogleDocs (http://docs.google.com/View?id=dfgdhntd_1dktkd9cp) ou colocá-la como um link, como nesse exemplo aqui.
Neste exemplo o documento compartilhado não aceita edição por outras pessoas, mas poderia aceitar se eu tivesse feito essa opção (e posso mudar a qualquer momento, se eu quiser).
Grande parte da documentação do professor (caderneta escolar, listas de chamada, planejamentos, etc.) pode ser colocada na Internet e compartilhada publicamente. Pesquisas, diagnoses, testes e avaliações podem ser gerados e depois utilizados diretamente pela Internet. Os alunos podem produzir trabalhos de forma colaborativa e usar as ferramentas de um pacote completo de escritório mesmo que os seus computadores não possuam nenhum. Até mesmo a própria secretaria, a coordenação e a direção da escola podem usar essa ferramenta web 2.0 para produzir, disponibilizar e compartilhar documentos (como o horário de aulas, o calendário escolar, etc.), e com a vantagem de não ter que hospedar esses documentos localmente.
Documentos específicos e particulares também podem ser armazenados no GoogleDocs, mas aí deixamos de lado os fins pedagógicos  e educacionais dessa ferramenta, por isso não vou entrar nos detalhes desse tipo de uso.
O GoogleDocs permite atualmente que qualquer tipo de arquivo seja armazenado nele e compartilhado na web. Isso nos possibilita criar uma biblioteca compartilhada a partir de uma pasta pública. Além disso, a estrutura dessas pastas tem a mesma apresentação da estrutura de pastas de um HD de um computador comum e facilidades como “arrastar e soltar”, “copiar e colar”, etc. Resumindo: é tudo muito intuitivo e prático.
Também vale lembrar que tudo está em português e que o sistema de ajuda do GoogleDocs é muito bom.
Se você ainda não usa o GoogelDocs e outras ferramentas web 2.0 de produtividade, talvez esse seja o momento de começar a usá-las. A aprendizagem é rápida e não requer nenhum tipo de curso ou formação específica. Já para aprender a usar editores de texto, planilhas eletrônicas e geradores de apresentação de slides, sugiro uma busca simples na propria Internet e, se necessário, peça ajuda aos seus alunos (eles certamente saberão ajudá-lo).